1.jpg (33.032 bytes)
Rural Value
» Projecto
» » Áreas Temáticas
» Galeria de Imagens
» DOCUMENTOS
» Eventos
» Links
» Parceiros
» EEA Grants
» Contactos

traco_green.gif (82 bytes)

traco_green.gif (82 bytes)

Projecto co-financiado a 85% pelo programa EEA Grants do Mecanismo Financeiro do Espaço Económico Europeu
1.jpg (3.642 bytes)
Projectos LPN » Rural Value PTENG

Promoção do Ecoturismo

VISITE-NOS! (clique aqui)

O que é o ecoturismo?

A International Ecotourism Society define o Ecoturismo como uma forma responsável de fazer turismo em áreas naturais, garantindo a conservação dos seus recursos ambientais e a melhoria da qualidade de vida das populações locais.O conceito de ecoturismo nasce nos anos 80, na sequência do descobrimento do turismo naturalista, praticado em locais remotos, pouco humanizados. Na Europa, o conceito encontra a sua essência em locais privilegiados, como áreas protegidas e outras áreas não classificadas, como regiões rurais e piscatórias, ainda representativas de uma paisagem e ambiente equilibrados e de comunidades locais que mantém estilos de vida e actividades tradicionais.

A filosofia inerente a este conceito segue os preceitos do desenvolvimento sustentável, na medida em que se procura utilizar o potencial turístico local, para gerar riqueza económica e melhorias sociais, a par da preservação e valorização das qualidades ambientais do local.

 

Princípios gerais do ECOTURISMO

. Impactes mínimos nos ecossistemas;

· Fomentar o respeito e a sensibilidade pela natureza e cultural local;

· Fornecer experiências positivas, tanto para visitantes como para os visitados;

· Garantir valias financeiras para a conservação da natureza;

· Garantir valias económicas para as populações locais.

A actividade do ecoturismo encerra em si o potencial para ter um menor impacto no ambiente, dando oportunidade aos ecoturistas para participarem activamente na conservação ambiental, nos projectos que promovem a igualdade nas comunidades locais e de adquirirem consciência ambiental e melhor entendimento intercultural. O ecoturismo pode assim, ser uma forma de aproximar as pessoas aos valores naturais e de as envolver com as medidas de conservação.

 

Ecoturismo e Desenvolvimento Rural Sustentável

É nesta perspectiva que uma das actividades que o Projecto Rural Value contempla é a promoção do ecoturismo, sendo considerado uma forma de rentabilizar o espaço rural, potenciando as riquezas ambientais, sociais e culturais do Baixo Alentejo. A vinda de ecoturistas, constitui uma oportunidade para a dinamização socioeconómica da região, mostrando que a classificação da Zona de Protecção Especial para as Aves (ZPE) de Castro Verde, no âmbito da Rede Natura 2000, não é um constrangimento ao desenvolvimento da região, mas deve antes ser encarada como uma mais-valia para a população local.

   

No ecoturismo existem vários segmentos de público-alvo, direccionados para interesses específicos: observação de aves, de baleias, de cogumelos, de orquídeas, etc.; hiking; fotografia de natureza; entre outros.

No que se refere por exemplo à observação de aves ou birdwatching, estima-se que existam mais de 100 milhões de pessoas em todo o mundo que se dedicam à observação de aves! Só no Reino Unido calcula-se que sejam cerca de 2,4 milhões pessoas.

O Rural Value promove um conjunto de actividades: caminhadas e observação de aves por percursos definidos na ZPE de Castro Verde e visitas às reservas de biodiversidade da LPN, além de oferecer ainda a possibilidade de desfrutar de abrigos, estrategicamente localizados nas reservas, para fotografar espécies emblemáticas como o peneireiro-das-torres, o rolieiro e a abetarda. A participação em feiras de turismo e de birdwatching, em particular, é outra das formas do Projecto dar a conhecer o potencial natural da região e apostar na captação de novos visitantes.

 

Entre 2010 e 2020, a Organização Mundial de Turismo prevê que o mercado de Ecoturismo represente 55,2% do crescimento turístico mundial. O potencial desta actividade é portanto muito relevante!

No entanto, esta actividade precisa de enquadramento adequado, para garantir que se realiza de forma sustentável. A LPN procura levar a cabo este trabalho, promovendo junto dos visitantes um código de ética, de modo a que a actividade turística não coloque em risco o potencial natural que aqui existe – algo que infelizmente acontece em áreas protegidas, com um potencial muito apetecível para o turismo.

Deste modo, no Centro de Educação Ambiental do Vale Gonçalinho, ponto de paragem quase obrigatório para os ecoturistas que visitam a região, são disponibilizadas informações e material de divulgação sobre a ZPE de Castro Verde e procura-se sensibilizar os visitantes para a temática da conservação da natureza e o papel que pode desempenhar no desenvolvimento socioeconómico da região. Neste esforço de sensibilização, são dados os exemplos concretos dos projectos e actividades levados a cabo pela LPN, ao abrigo do Programa Castro Verde Sustentável – o maior projecto de conservação da natureza em Portugal desenvolvido por uma Organização Não Governamental de Ambiente (LPN)!

Desfrute da riqueza natural do Baixo Alentejo e ajude a conservá-la!

Saiba mais sobre a região e as actividades de ecoturismo: aqui

Observação de Aves/Birdwatching em Castro Verde: Spot promocional



© 2009 LPN - Liga para a Protecção da Natureza | Contactos
[ Powered by Timesten ]